Close your pretty eyes, de Sally Nicholls

Nicholls_Eyes

Close your pretty eyes é um livro britânico lançado há pouco que, se ainda não está disponível em português, com certeza daqui a pouco estará – e que bom! Sua autora, a talentosíssima Sally Nicholls, tem pouco mais de trinta anos, mas já conquistou leitores do mundo todo com três outros romances. A julgar pela sensibilidade e criatividade de seu mais novo trabalho, este também se tornará o preferido de muita gente por aqui.

O livro conta a história de Olivia, uma menina de onze anos que cresceu de casa em casa, entre uma mãe alcoólatra, lares provisórios abusivos, orfanatos sem alma, e famílias de adoção que mais cedo ou mais tarde acabam sempre por livrar-se dela. Olivia já passou por tantas coisas ruins que poderia ser classificada como sofrendo “danos irreparáveis”: incapaz de confiar nos outros ou de lidar com suas próprias emoções, ela sofre de transtorno dissociativo, torna-se irascível de um momento ao outro, e acaba se tornando uma ameaça para as pessoas à sua volta. Tudo isso é contado pela voz da própria menina, que intercala a narrativa de suas experiências recentes às lembranças do passado.

Como se não bastasse os traumas sofridos, seu lar atual é um velho casarão que ela acredita estar assombrado pelo fantasma de Amelia Dyer, uma famosa (e real!) psicopata vitoriana, considerada a maior serial killer de todos os tempos. Por meio da fantasma, a autora cria uma ponte para um fundo histórico quase relegado ao esquecimento: as baby farms (fazendas de bebês) inglesas, nas quais as mães de filhos ilegítimos eram obrigadas a deixar sua prole a fim de evitar as sanções sociais da conservadora sociedade vitoriana. Conhecidas pelas atrocidades cometidas contra bebês indefesos, o fato de uma antiga baby farm se tornar a morada de uma criança vítima de abusos torna-se numa coincidência terrível, capaz de levar a menina ao limite da loucura, e a obrigar a enfrentar seus próprios demônios.

Olivia faz pensar em Beth Thomas, a pequena psicopata do documentário Child of Rage (em português: A ira de um anjo. Para ver, clique aqui), de 1992. É impossível conhece-la sem se apaixonar por ela, ou sem odiar o resto do mundo: um mundo que ainda não aprendeu a zelar pela inocência das crianças. Embora esteja voltado para o público adolescente, se qualquer adulto pode se encantar com Close your pretty eyes, isso se deve à capacidade da autora de, partindo de uma linguagem simples e infantil, construir um universo psicológico profundo e intricado – coisa que bem poucos romances “adultos” são capazes de fazer.

Aviso aos navegantes: este facilmente poderá vir a ser um dos livros mais tristes que você já leu. Ainda assim, e apesar do tema forte, trata-se de um romance bem equilibrado, que emociona ao mesmo tempo que entretém. Para quem não quiser esperar pela tradução, boa notícia: sua linguagem fácil e simples torna-o acessível a todos aqueles que arranharem no inglês, ou até mesmo propício aos que desejarem melhorar seus conhecimentos no idioma. Senão, sempre se pode começar pelos outros livros da autora: Ways to Live Forever (no Brasil: Como Viver Eternamente; em Portugal: O menino que sonhava chegar à Lua), Season of Secrets (lançado no Brasil com dois títulos pela mesma editora (vai entender!): A menina que conversava com o verão e Temporada de segredos), e All Fall Dawn.

Em suma: uma excelente leitura para as férias de natal!

Título original: Close Your Pretty Eyes

País: Inglaterra

Idioma original: inglês

Ano de publicação: 2013

Edição em português: não há

Edição inglesa: Scholastic (ISBN 978-140-7124-32-2)

Número de páginas: 240

Edição inglesa: Scholastic (ISBN 978-140-7124-32-2)

Número de páginas: 240

Anúncios

2 thoughts on “Close your pretty eyes, de Sally Nicholls

    • Muito obrigada pela visita e pelo comentário! 🙂

      O livro é ótimo – eu não conseguia parar de ler (fui dormir duas noites às cinco da manhã!).

      Tenho certeza que vc também vai gostar!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s